X

Roberto Durán, No Más

Em pleno auge do boxe contemporâneo, dois pugilistas estabeleceram uma rivalidade apaixonante. Os seus dois combates em apenas pouco mais de cinco meses, em 1980, tiveram toda a pompa dos clássicos instantâneos. Sugar Ray Leonard, que se tornara referência após uma medalha de ouro nas Olimpíadas de Verão de 1976, contra Roberto Duran, o pugilista mais duro ¿ e mau, segundo alguns ¿ de sempre. O realizador Eric Drath explora o drama, a ação e aquelas duas palavras proferidas no segundo combate, que continuam a gerar uma sensação de mistério, perplexidade e intriga.